MASSAGEM COM BAMBU

         A busca pelo corpo perfeito é objetivo constante de homens e mulheres e novas técnicas surgem para atender as necessidades de harmonia estética e qualidade de vida. Uma técnica recente desenvolvida na França é a drenagem linfática com bambu.
        O bambu é um vegetal que pode ser encontrado na Ásia e na América e o Brasil possui uma grande diversidade da espécie principalmente na Bahia e na Amazônia. Para os orientais simboliza força, beleza, flexibilidade e resiliência, foi a primeira planta a crescer depois do ataque a Nagasaki. Seus primeiros cinco anos de vida são sob o solo podendo chegar até 35 metros de altura. O bambu vem ganhando interesse econômico e social nos países produtores por sua versatilidade e facilidade de plantio e cultivo.
        A drenagem linfática com bambu, segue os preceitos básicos da drenagem linfática manual que é estimular a circulação no sentido e trajeto do fluxo linfático e auxiliar a eliminação de liquido excedente. As manobras são realizadas com varetas de bambu de tamanhos e espessuras diferentes que se adaptam ao contorno do corpo.
       O bambu para a massagem é especialmente preparado para que não haja nenhum prejuízo ao tecido cutâneo. O kit é composto de sete a oito bambus e não é necessário que seja de uso exclusivo, pois a assepcia pode ser feita com álcool 70% após o uso.
        A técnica desenvolvida pelos franceses conta também com a estimulção de pontos de acupuntura, promovendo assim bem estar e equilíbrio físico, mental e emocional. Estes pontos podem ser estimulados com as pontas dos dedos ou com a extremidade do bambu e estão associados aos orgãos de excressão, depuração e regulação do organismo.
        A massagen com bambu pode ser utilizada para fins relaxantes e estéticos no corpo todo e no rosto com função estética ou clínica como um pós operatório. A intensidade da massagem é de leve a moderada de acordo com a necessidade e objetivo de quem a recebe, em intensidade forte para mobilização de gordura é chamada de massagem modeladora.
        A técnica é indicada para edemas (inchaço), problemas circulatórios, tensão muscular, depressão, estética ou pessoas que não apresentem problemas como câncer, trombose, insuficiência renal, algumas afecções de pele, hipo ou hipertesão descompensada, infecções agudas. Em gestantes pode-se utilizar a técnica somente no segundo trimestre, sem a estimulação dos pontos de acupuntura.
        Resultados como ganho de tônus muscular moderado, perda de medidas e diminuição do aspecto de "casca de laranja" da pele causados pela celulite, podem ser vistos em aproximadamente 3 meses para quem utiliza-se da técnica duas vezes por semana. Já diminuição de inchaço, aumento da disposição e melhor funcionamento do intestino podem ser observados horas depois.

VOCÊ SABE O QUE SIGNIFICA PSICOSSOMÁTICA?

Psicossomática é o estudo das relações entre processos mentais, somáticos e emocionais. Parte-se do principio que para se tratar uma doença não basta só conhecê-la, deve-se conhecer também o seu portador como um ser humano e saber como ele atua sobre a enfermidade. Este indivíduo pode agir como causa ou conseqüência de qualquer alteração no seu estado psíquico e somático. A hostilidade, ansiedade, frustração, desejos de dependência, sentimentos de inferioridade e culpa são fatores psicológicos que estão presentes em todas as doenças, porém é importante saber como e quais deles se  manifestam.
A dor é um alerta que se instaura entre o aspecto sensorial e afetivo, exigindo uma ação e as pessoas podem ser conduzidas pela dor ao processo de redescobrir-se como ser humano. A dor é umas das vias que usamos para ancorar os nossos sentimentos. Observamos com isso que os fatores emocionais têm influência em todos os processos somáticos, logo acredita-se que todas as doenças são psicossomáticas, embora em alguns casos ainda não se possa provar.

Emoções: Assim como as cores primárias dão origem às demais cores, as emoções primárias dão origem às demais emoções, são elas: alegria, tristeza, raiva, medo e afeto. Um exemplo de emoção secundária é o ciúme onde unimos o afeto a uma fusão de raiva e medo. Na tabela abaixo você entenderá um pouco como funcionam as emoções:
 
Emoção
Função
Componente bioquímico
Componente
muscular
Componente
Comportamental
Alegria
Motivação
da vida
Aumento dos sinais
de vitalidade e da
resposta imunológica
Movimento: pular,
dançar; correr
Compartilhar
Afeto
Preservação
da espécie
Alterações nas
características de
atração pessoal
e sexual
Toque, expansão -
busca do outro
Dividir, partilhar: se
isso não acontece o
afeto transforma-se
em raiva
Medo
Sobrevivência
Aciona mecanismo
de luta ou fuga
Contratura - o
organismo preparase
para defesa
Resolução e
retomada do
equilíbrio
Raiva
Liberação do
medo
Dor, inflamação e
reações alérgicas
Expansão e extensão
- movimentos
incompletos
Resolução,
eliminação e
catarse
Tristeza
Afeto e alegria
necessitam de
cuidados - quem
não sente
tristeza se torna
amarga e
desmotivada
Desenergização do
organismo, diminuição
das defesas e
incapacidade de
adaptação a mudanças
- pele e cabelos secos e
sem vida
Grupos musculares
imóveis, olhar vazio
e respiração curta
Introversão - para
resolver a tristeza é
necessário
compartilhar, assim
surge o afeto
e a alegria



   O que fazer para evitar quedas e acidentes com idosos?

É difícil prever o que poderá ser motivo de tropeço. Além disso, a pessoa na maturidade nem
sempre obedece às instruções para modificar o seu ambiente. É interessante focalizar a prevenção das quedas nos fatores cognitivos, treinando o idoso a ficar atento aos perigos ambientais no lar e na comunidade, ensinando-o a proceder de modo preventivo e apontando os riscos a que está exposto.
         
          Mobília
  • Arrumar os móveis de forma que os caminhos não fiquem obstruídos e evitar corredoresatravancados ajudam a mobilidade de pessoas com visão periférica comprometida. Pessoas com comprometimento de equilíbrio usam a mobília como apoio. Por isso, cadeiras e mesas instáveis precisam ser suficientemente estáveis para suportar o peso da pessoa.
          Cozinha
  • Prateleiras muito altas:
  • Registro de gás:
  • Pernas de cadeira em mau estado:Cadeiras resistentes e estáveis não escorregam durante a transferência. Então evite cadeiras com rodas e conserte as pernas frouxas.
  • Mesa bambas, instáveis:
  • Pessoas com comprometimento da marcha freqüentemente usam a mesa como apoio. Instale mesa com pernas resistentes de boa altura e evite mesa sobre tripés ou pedestais.
    Banheiro
  •  Banheira com fundo escorregadio:
  • Assento sanitário muito baixo: Usar assento sanitário elevado ajuda a transferência para o vaso sanitário e para fora dele.
  •          
    Drogas rotuladas inadequadamente 
  • Rotular todas as drogas de acordo com a necessidade de uso interno ou externo. Manter uma lupa dentro ou próximo ao gabinete
  • .
    Porta - Fechadura
  • Evitar fechaduras nas portas do banheiro ou usar apenas as que podem ser abertas dos dois lados, pois permite o acesso de outras pessoas no caso de ocorrer uma queda.
           Iluminação
  • Instalar iluminação adequada no topo e na base da escada. Luzes noturnas ou faixas adesivas coloridas podem ser usadas para assinalar claramente os degraus. Definir a localização dos degraus, especialmente para pessoas com comprometimento de visão ou da percepção.
           Dicas Importantes
  • A prática constante de atividade física pelo idoso, fortalece a musculatura globalmente, melhora o equilíbrio e proporciona melhor qualidade de vida.
  • Exercícios como a musculação e o alongamento, acompanhados sempre por um profissional especializado são os mais indicados.
Muitos acidentes podem ser evitados se adotarmos algumas medidas simples, oferecendo à pessoa na maturidade mais conforto e segurança




Desidratação no Idoso

Com a baixa umidade relativa do ar doenças virais, bacterianas e alergias aumentam relativamente sua incidência e crianças e i...